quinta-feira, 4 de outubro de 2018

Relato do Encontro de Primavera da Granja Viana-SP Brazil JCF Mythological RoundTable®

Agora eu era o herói
Eu enfrentava os batalhões
Agora eu era o rei
Era bedel e era também juiz
E agora eu era um louco a perguntar
O que é que a vida vai fazer de mim?
João e Maria, Chico Buarque (Link)

Por Vanessa Heidemann

O encontro de primavera de 2018 do Núcleo Granja Viana da Fundação Joseph Campbell aconteceu no sábado, 29 de setembro.

A partir da leitura da obra Rei, guerreiro, mago e amante: a redescoberta dos arquétipos do masculino, de R. Moore e D. Gillette, o palestrante convidado Marcos Lima, da CF Mythological RoundTable® de Paris, falou sobre a relação entre os quatro arquétipos com personagens encontrados na ficção, principalmente nos personagens de Game of Thrones.

Brasileiro, Marcos vive na França e estuda a obra campbelliana há mais de 30 anos. Atualmente é diretor do Programa de Mestrado em International Marketing and Business Development na Skema Business School, trabalhando entre Lille e Paris.

Sua fala foi possível graças à inovação do grupo, que pela primeira vez recorreu ao uso da tecnologia (Skype) para romper a barreira do espaço, proporcionando, apesar do fuso horário, um encontro em tempo real.


O encontro aconteceu por intermédio da tecnologia, unindo Brasil e França.



Do outro lado do Atlântico, Marcos inicia sua fala promovendo a seguinte provocação: "Onde estão, afinal, os homens maduros?".


Tomando como base a obra de Moore e Gillette, o palestrante afirma que foram poucos os homens plenos ao longa da história da humanidade. Perante os estágios imaturos e maduros do masculino, é o imaturo que predomina. Assim, segundo ele, o patriarcado ainda é dominante no âmbito da família, da religião e da sociedade.

Marcos compreende a ausência de ritos de passagens, que nas sociedades primevas tinha a função de transformar a psique dos garotos em adultos, como um dos fatores que dificultam a construção do masculino pleno na contemporaneidade.

Ele cita o exemplo das Cavernas de Lascaux, na França, onde os meninos que participavam dos ritos saiam “transformados” psicologicamente em homens.

Desenhos encontrados nas paredes das Cavernas de Lascaux, França

Assim, o patriarcado na verdade seria formado por homens com psicologia de menino. Daí temeria tanto o lado feminino quanto o masculino, interferindo no desenvolvimento – e em muitos casos sofrimento – de ambos.

No entanto, esse masculino infantilizado ou imaturo não deve desaparecer por completo no homem pleno. Isso porque o lado criança do arquétipo desenvolve pontes importantes psique do homem maduro, como as ligadas aos processos criativos.

Quando essa transição da fase imatura para a adulta não ocorre de forma integral, as representações arquetípicas podem se expressar por meio de sua contraparte sombria. Assim, de acordo com os autores, um homem que fique estacionado no arquétipo do herói pode apresentar sua polaridade negativa, tornando-se um herói sádico, vilão, exibicionista ou covarde.

Para que um homem se torne pleno, ele precisaria buscar desenvolver em alguma medida esses quatro arquétipos principais que carrega dentro de si (Rei, Guerreiro, Mago e Amante). Como exemplo de homem pleno, Marcos cita o Super-Homem, que superando suas sombras consegue se tornar completo. Ele tem o poder de organização e de cuidar e abençoar seu mundo do Rei, exerce a ação do Guerreiro, tem a inteligência do Mago e a amorosidade do Amante.

Ele lembra que desenvolver a plenitude é muito difícil, seja nos aspectos masculino ou feminino – embora no primeiro caso talvez seja ainda mais complicado pela falta de um marcador biológico. Isso porque as meninas são transformadas fisiologicamente em mulheres a partir do primeiro ciclo menstrual, enquanto falta aos meninos um evento físico que proporcione essa passagem.

Os questionamentos e conversas seguiram durante o lanche de encerramento, demonstrando como o tema é inquietante e atual.

Clique aqui para visualizar os slides desenvolvidos pelo pesquisador. Caso não abra, você pode ir diretamente para https://drive.google.com/open?id=1u46oVDWDdTJxKhTopfYKiTntVHYoSywk

A fala de Marcos Lima pode ser acompanhada no Youtube , estando disponível no link https://youtu.be/-hFyiWa4CG4





Nenhum comentário:

Postar um comentário